Como Trocar a Fralda do Bebê

Em primeiro lugar limpe o bumbum do bebê e em seguida passe um creme protetor. Além disso, é necessário manter a mãos limpas para evitar qualquer tipo de contato indesejável com a pele do bebê. Para facilitar a troca de fraldas deve-se manter todos os ítens à serem utilizados num só lugar. Jogue tudo o que tiver usado, como gazes, chumaços, fraldas numa lixeira com saco plástico.
Ítens necessários:

  • Algodão: compre um rolo e deixe os chumaços separados antes de usar
  • Toalhinhas: para limpar fezes e secar o bumbum do bebê
  • Tigela com água morna: o algodão e água morna é a maneira mais adequada de se fazer a higiene do bumbum da criança
  • Creme protetor: pode ser um creme indicado pelo pediatra ou óleo de amêndoas doce
  • Gaze umedecida: é útil para limpar o bumbum do bebê quando você estiver fora de casa
  • Fraldas descartáveis ou de pano
  • Fita crepe

Troca de fraldas passo-a-passo:

  1. Abra a fralda descartável com as fitas adesivas na parte de cima. Levante o bebê pelos calcanhares com um dedo entre eles e coloque a fralda embaixo com a borda de cima na linha da cintura;
  2. Levante a parte da frente, com o pipi do menino voltado para baixo (para não urinar para cima) e estique bem a fralda sobre a barriga do bebê;
  3. Segure uma ponta na posição certa e, com a outra mão tire a proteção da fita e cole-a paralela à borda da fralda, na parte da frente;
  4. Faça o mesmo procedimento do outro lado, verificando se a fralda está firme em torno das pernas do bebê;
  5. A fralda deve ficar ajustada na cintura do bebê com uma folga de apenas um dedo.

Como fazer seu filho ir para a cama?

Os pediatras recomendam alguns truques para que as crianças brinquem durante o dia e, chegada a noite, durmam. Como as crianças são diferente entre si, as regras que valem para uma podem não servir para outra. Eis algumas sugestões:

Estabeleça uma rotina

Defina um procedimento padrão para quando a noite cai. Se você definir que a ordem é banho, jantar e cama, faça sempre assim. Para as mais agitadas, um banho morno sempre acalma. Contar histórias também.

Desligue a criança

No final do dia, fuja das brincadeiras mais agitadas, como jogar bola ou cantar “marcha soldado”.

Acalme a casa

Na hora de fazê-la dormir, apague a luz do quarto, fale mais baixo, diminua o volume da televisão. A casa não precisa de silêncio absoluto, mas mesmo os adultos têm dificuldade para dormir com nível de ruído alto.

Dê meia hora

Criança pequena geralmente associa o ato de dormir com separação dos pais. Para fazer essa transição da melhor forma possível, se puder fique com ela a última meia hora do dia.

Nada de colo

Quando colocar seu filho para dormir, evite pegá-lo no colo ou acariciá-lo até que caia no sono profundo. Ponha-o no berço, poque se ele se acostumar com tanto mimo, você não terá mais sossego.

Gestação e Álcool

O efeito mais grave do álcool na gestação é o atraso no desenvolvimento físico do bebê, pois ele nasce pequeno e continuará pequeno no seu desenvolvimento físico futuro.

Estão relatadas anomalias nos olhos, especialmente defeitos das pálpebras, maxilar pequeno, anomalias nos ossos e articulações do crânio, bem como defeitos no coração.

Essas malformações foram observadas nos filhos de gestantes com alcoolismo crônico, freqüentemente embriagadas. Naturalmente a freqüência dessas anomalias varia com o modo de se ingerir o álcool.

Categorias

Postagens Recentes

Comentários recentes

    Compartilhar